Suposta guerra mundial a mais de 12 mil anos

Os maiores cientistas do século XX e XXI, ficaram impactados com a possibilidade de poder ter ocorrido uma guerra nuclear a mais de 12000 anos atrás. Essa possibilidade nasceu quando tomaram conhecimento da existência de livros antigos na Índia, livros como o Mahabharata, que é um épico livro escrito pelos rishis, onde contem mais de 200.000 versos e falando com detalhe de uma Guerra Nuclear que teria ocorrido.



Antes que os efeitos da bomba  atômica fossem mostrados ao mundo em meados dos anos 40, os versos encontrado em Mahabharata não faziam nenhum sentido, mas agora como podemos observar no texto abaixo ele tem algo em comum com as bombas que hoje conhecemos.



Esse seria parte do texto original encontrado em Mahbharata:
"Se o brilho de mil sóis
De repente explodiu no céu,
Seria como o esplendor do Poderoso ...
Tornou-se Morte, o destruidor de mundos.
(Foi) um único projétil
carregado com toda a força do universo.
Uma coluna incandescente de fumaça e chamas
brilhante como dez mil sóis
levantou-se em todo o seu esplendor ...
... Era uma arma desconhecida,
um flash de ferro,
um gigantesco mensageiro da morte,
o que reduziu a cinzas
toda a raça dos Vrishnis e Andhakas.
... Os corpos estavam tão queimados
que não podiam reconhecer.
Tudo o que ali estava desapareceu,
e os pássaros ficaram brancos.
Depois de algumas horas
todos os alimentos foram infectadas ...
... Para escapar do fogo
os soldados foram jogados em rios,
para se lavarem e seus equipamentos ...
... Uma haste fatal
Era de três côvados e seis pés.
Equipado com a força
Trovão Indra, com milhares de olhos,
destruiu todos os seres vivos ...
... Então arrastadas multidões de Samsaptakas
com cavalos, elefantes e armas,
como folhas secas de árvores ...
Impulsionada pelo vento, O Rei,
parecia muito bonito lá em cima
como pássaros em árvores rasgando vôo ...
... Ventos de mau agouro veio a explodir ...
O sol parecia virar-se,
o universo, ardendo,
parecia ter febre.
Os elefantes e outras criaturas da terra,
arrasada pela energia da arma,
fugiram ...
a mesma água quando aquecida,
as criaturas que viveram nesse elemento.
Eles começaram a queimar ...
Guerreiros hostis caíram como árvores
queimado em um incêndio lavra ...
Elefantes enormes queimados por essa arma,
caíram na terra ..."
Alguns achados históricos na índia

Nas ruínas de Harappaimohe-nho na Índia, em 1860, foi encontrado um achado vital para os cientistas. Nas escavações foram encontrados esqueletos queimados. Foram então estudados e catalogados como sendo de cerca de 8.000 a 12.000 anos A.C. O que deixou os cientistas muito intrigados, os esqueletos possuíam rastros de radiação. Até ali a questão era como esqueletos com essa idade possuíam sinais claros de radiação? Foi então que foi relacionado com algumas passagens dos livros indianos.

Os esqueletos encontrados nas escavações, possuíam um nível de radiação 50 vezes acima do normal. Os testes foram repetidos várias vezes sempre mostrando o nível excessivo de radiação, como se eles estivessem passado a um "holocausto nuclear".

E claro que este assunto por ser pouco investigado ainda deixa algumas duvidas, mas sabemos que algo de muito enigmático ocorreu naquele local. Será apenas uma coincidência os livros indianos se referir a um assunto que ocorreu pela primeira vez no século XX, ou será mesmo a guerra nuclear que conhecemos não foi a primeira?



2leep.com

Via: MistériosEHorrores
Share on Google Plus

About Wesley Fernandes

0 comentários:

Postar um comentário