Luna Salada: O hotel feito de sal

 Chão, paredes e móveis... tudo feito de sal. O Hotel Luna Salada está localizado a 30 minutos de viagem do maior deserto de sal, na Bolívia. Para a construção das paredes, criou-se grandes blocos de sal com a mesma consistência do cimento. O hotel extravagante possui 24 quartos, abrigando até 50 pessoas, um bar, SPA (com sauna), um museu e vários ambientes para descanso.
A ideia de construir o hotel no meio do deserto surgiu para facilitar a vida de trabalhadores que tinham que ir e vir todos os dias. Mas a rica arquitetura do hotel acabou chamando a atenção de turistas e hoje o local é um ponto turístico famoso na Bolívia. A região é rica em lítio, material usado na fabricação de itens tecnológicos e é exatamente isso que os trabalhadores da região vão biscar no imenso deserto.
Tudo, no Luna Salada, foi construído artesanalmente, o que dá um ar mais caseiro para o hotel. É o lugar ideal para quem busca a tranquilidade para passar umas férias. Nada convencional, para onde quer que se olhe: sal. No jardim, ao invés de um lindo gramado verdinho, apenas uma imensidão de sal que mais parece uma praia, mas sem a água. Os turistas sempre tem que andar em grupos, pois sem pontos de referência é fácil de perder-se.
O objetivo dessa construção era obter um lugar auto-sustentável. O que também motivou o uso da estranha matéria-prima foi a falta de material nas redondezas, o local mais próximo ainda era muito longe. Apesar de sua matéria-prima, o hotel possui uma construção tradicional: salas amplas, quartos, bar e restaurante. Tudo o que há em qualquer hotel.












Share on Google Plus

About Wesley Fernandes

0 comentários:

Postar um comentário