Restos de mamífero pré-histórico encontrados na periferia de Buenos Aires


O esqueleto completo de um Glyptodon reticulatus, um mamífero herbívoro, foi encontrado terça-feira a dois metros de profundidade e é mantido úmido para evitar danos.

Um grupo de trabalhadores encontraram os restos completos do Gliptodonte, um mamífero pré-histórico gigante, quando cavavam um buraco para a construção de uma piscina em um clube de campo na cidade de Cañuelas, a 70 quilômetros de Buenos Aires.

O fóssil tem uma antiguidade de 8.500 a 20.000 anos e está em um excelente estado de conservação, relatou hoje à Efe a paleontóloga Veronica Liruso, do Centro de Registro do Patrimonio Arqueológico e Paleontológico (CRPAP).

O esqueleto do Glyptodon reticulatus, um mamífero herbívoro, foi encontrado terça-feira a dois metros de profundidade e é mantido úmido para evitar danos, até que possa ser extraído e transferido para um museu na cidade de Cañuelas, afirmou.

Liruso expressou sua confiança de que se poderá salvar os restos do gigantesco mamífero, que na era quaternaria proliferou na chamada zona pampeana, que compreende as provincias argentinas de Buenos Aires, La Pampa e o sul de Santa Fe e Córdoba, e de outras regiões da América do Sul.

Os gliptodontes tinham uma envergadura de 1,80 metros de altura, tres metros de comprimento e um peso ao redor de 1,5 toneladas, explicou.

En maio de 2000 foram encontrados fósseis de gliptodonte em Buenos Aires, quando se cavava um túnel de expansão de uma das cinco linhas do metro da capital argentina.


Fonte: Terra Chile/arquivosdoinsolito
Share on Google Plus

About ♰†♰Death Angel♰†♰

0 comentários:

Postar um comentário