Criatura misteriosa é vista na Pensilvânia


Um novo caso de criatura estranha foi divulgado em 29 de março pelo escritor e investigador do paranormal Stan Gordon que entrevistou a testemunha de um incidente que ocorreu no condado de Butler, Pensilvânia, em 18 de março de 2011, entre Chicora e East Brady.

Gordon investigou o encontro em 21 de março. Chicora é uma área rural a aproximadamente 72 quilômetros a nordeste de Pittsburgh.

Stan Gordon é autor do recém-lançado livro Silent Invasion: The Pennsylvania UFO-Bigfoot Casebook - notas incríveis de casos, e os bastidores das investigações de centenas de relatos de OVNIs e aparições do Bigfoot que foram informados principalmente no sudoeste da Pensilvânia em 1973 e 1974.

O novo caso de Gordon é muito semelhante as histórias recebidas por toda a região da Pensilvânia durante muitas décadas - uma criatura incomum cruza uma estrada e, aparentemente, não está interessada no que acontece, ou no motorista que a observa.

Nas próprias palavras do pesquisador Stan Gordon - www.stangordon.info :

"Em 21 de março de 2011, fui procurado por uma testemunha que informou ter se encontrado com uma criatura muito estranha durante a madrugada de 18 de março de 2011.

O incidente ocorreu em uma estrada rural no Condado de Butler entre Chicora e East Brady. A testemunha, um homem de negócios que passava pela área, afirmou que "esta foi a coisa mais esquisita que já vi, e fez o meu cabelo arrepiar na nuca."

O homem me disse que estava dirigindo pela estrada quando ele observou a um quarto de milha algo no lado direito em uma área gramada. Primeiro pensou que era um cervo.

O motorista pisou no acelerador para chegar mais perto e obter uma visão melhor. A cerca de 45 metros de distância, ele observou algo abaixado, que se levantou.

O motorista então observou uma criatura muito alta e musculosa. Neste ponto, o motorista acendeu os faróis altos e viu a criatura andando na frente de um sinal de estrada amarelo refletivo, em seguida, ela atravessou as duas pistas em três passos longos e continuou em uma área arborizada.

O que ele viu foi uma figura humanóide, com pelo menos 2 metros de altura que tinha a pele parecida com um couro liso escuro ou marrom claro.

A criatura nunca olhou para a testemunha. A cabeça parecia ser reta na parte da frente, arredondando para trás. Na parte superior do crânio, era como um daqueles capacetes aerodinâmicos. Parecia ter uma proeminência na parte superior da cabeça.

O rosto era liso, e os olhos não estavam definidos claramente, mas o homem pensa que eles poderiam estar nos cantos. A orelha, observada no lado esquerdo, era longa e lisa, e ia para cima e para trás, como uma aba.

Os braços eram musculosos e um pouco maiores do que os de um ser humano. As mãos mais pareciam garras, mas o número de dedos não ficou claro. Uma das características físicas que mais se destacou foram as pernas fortes.

A testemunha afirmou que era difícil de explicar, mas as pernas não se moviam como as de um ser humano, e "parecia que dobravam para trás." A testemunha também viu o que pareciam ser asas em suas costas que estavam dobradas no corpo, com as pontas se estendendo em direção a cabeça.

Sons ou cheiros incomuns não foram percebidos durante a observação, que teve cerca de 7 ou 8 segundos. Quando o motorista se aproximou do local onde a criatura entrou no mato, ela já não podia mais ser vista.

No dia seguinte, a testemunha decidiu voltar para o local do encontro para procurar por qualquer evidência. As condições do solo não estavam apropriadas para pegadas, e nada foi encontrado.

A testemunha, no entanto, mediu a altura do sinal da estrada onde a criatura havia passado em frente. O sinal tinha pouco mais de 2 metros de altura, e a cabeça da criatura, foi estimado, teria atingido cerca de 4 polegadas acima do sinal".



Tradução: Carlos de Castro




Fonte: Examiner Via: ArquivosDoInsolito
Share on Google Plus

About Wesley Fernandes

1 comentários:

  1. sou sacerdote lucyos se alguém deseja fazer algum trabalho visite meu blog e conheça mais um pouco de minha vida

    Abraços

    e-mail: sacerdotelucios@hotmail.com


    Sacerdote Lucyos...

    ResponderExcluir