Ceará: Menores são atormentados por espírito de mãe falecida

 Menores vieram para a capital cearense após a morte da mãe
 
 
Eles vieram do RS porque a família não tinha condições de criar; Agora, família quer de volta e mãe atormenta família tutora.


Fenômenos fora do normal têm acontecido todos os dias com duas crianças, uma de nove e outra de sete anos em Fortaleza. Elas são naturais do Rio Grande do Sul e vieram para a capital cearense após a morte da mãe, devido a um câncer. 
 
 
Durante nove meses os menores têm sido atormentados, possivelmente pela mãe, já que neste prazo a família do sul pediu os dois de volta. A repórter Emanuella Braga, do Barra Pesada/TV Jangadeiro, foi conferir o caso.


A mulher, tutora das crianças, vive para cuidar deles 24h. Eles são atacados, arranhados, já apareceram mordidos e são violentados o tempo todo por este fenômeno. 
 
 
Pelo menos 19 pastores e alguns padres já passaram pelo local, e um dos pastores inclusive acusou a tutora de machucar as crianças. Na visita dele, as crianças foram mordidas enquanto ele estava lá.


Na reportagem, Emanuella relata que o microfone estava “picotando”, e dois copos de água foram arremessados em sua direção. Uma mesa, com tampo de granito, também foi arremessada no chão e quebrou. A jornalista conta que nunca presenciou isso na vida.


Diante das câmeras um dos menores arremessou uma Bíblia Sagrada na direção do neto da tutora, de três anos. “Não acontece nada com meu neto, só com os dois. Preciso de uma ajuda para levar eles de volta para o sul, para ver se isso acaba”, conta a tutora.
 
 
 
 
Share on Google Plus

About Wesley Fernandes

0 comentários:

Postar um comentário